Documentários em Vídeo Digital

Apresentação

“Documentários em Vídeo Digital” é uma oficina teórico-prática com duração de 20 horas. Durante a oficina, os participantes entram em contato com técnicas de produção audiovisual voltadas para o cinema documentário captado com dispositivos de vídeo digital, seja através de telefones celulares, câmeras domésticas ou DSLR’s profissionais. Qualquer tipo de câmera digital é bem-vinda. 

Através explicações seguidas de exercícios rápidos, o oficineiro mostra aos participantes como conseguir gravar som e imagem com o máximo de qualidade que seu equipamento pode oferecer. São abordadas diversas etapas de produção, desde a escolha do equipamento e suas configurações, até a preparação dos arquivos para a edição e montagem. 

O principal objetivo da oficina é fornecer aos participantes ferramentas para que eles possam contar suas próprias histórias. 

Para mais informações: https://youtu.be/3e8OupXhVvU

Público-alvo

O público-alvo da oficina são pessoas que se interessam pela produção de cinema documentário. Não é necessário ter experiência prévia, nem equipamento profissional; qualquer tipo de câmera é bem-vindo, incluindo telefones celulares. Os participantes que tiverem câmera podem trazê-las para a oficina. Podem participar estudantes, jovens produtores, cineastas iniciantes, entusiastas do cinema documentário, enfim, qualquer pessoa que tinha interesse em se aprimorar em técnicas de captação para contar suas próprias histórias. A ênfase da oficina é o cinema documental, mas isso não é um fator excludente. Pessoas que queiram trabalhar com ficção ou Youtubers também podem participar. A ideia principal dessa oficina é fornecer instrumentos para que os participantes possam se aprimorar na arte de se documentar e amplificarem suas vozes e pensamentos através da linguagem audiovisual. 

Conteúdo

Dia 01:
- Diferenças entre documentários e reportagens.
- Diferenças entre filmes documentários e filmes de ficção.
- Apresentação de referências de documentários e os tipos existentes de documentários.
- A noção de voz no documentário.
- Retrospectiva do documentário brasileiro.

Dia 02:
- Introdução: os modelos básicos de câmeras digitais de vídeo.
- Noções básicas de fotografia (Obturador, exposição, ISO, histograma, etc)
- Configurando a câmera: ajuste de branco, sistema de cores, picture style, etc.
- Exercício prático de captação para entendimento das funções dos elementos mencionados no item anterior.
- Diferenças entre os vídeos captados com câmera DSLR, camcoder, e celular.
- Tipos de lentes e suas aplicações.
- Exercício prático de captação sobre tipos diferentes de lentes.
- Debate de encerramento.

Dia 03:
- Noções básicas de iluminação com uma fonte de luz.
- Exercício prático de iluminação.
- Enquadramentos mais comuns no cinema documentário.
- Câmera na mão vs. camêra no tripé.
- Exercício prático de enquadramentos.
- Debate de encerramento.

Dia 04:
- Noções básicas da captação de áudio e a importância do som no documentário.
- Diferentes tipos de microfone e gravadores.
- Exercício prático de captação de áudio, utilizando um microfone externo acoplado na câmera.
- Exercício prático de captação de áudio, utilizando o microfone direcional da vara (ou tripé) e gravando na própria câmera.
- Exercício prático de captação de áudio, utilizando um gravador externo (Zoom H4N, Tascam R05, etc)
- Exercício prático de captação de áudio, utilizando o microfone de lapela.
- Comparação entre os três métodos anteriores.
- Debate de encerramento.

Dia 05:
- Cuidados necessários antes de sair para gravar (conhecer a locação, baterias, cartões de memória, etc.)
- Armazenamento de arquivos.
- Preparação dos arquivos para a edição.
- Pricinpais softwares de edição e suas noções básicas (timeline, ferramentas de corte, sincronia de som e imagem, ajustes básicos de cor e áudio).
- Breve edição do material gravado nos dias anteriores.
- Sincronia entre áudio e imagem.
- Principais formatos de arquivo para saída em vídeo e upload no Youtube, Vimeo, etc.
- Considerações finais.
- Debate de encerramento.

Objetivo

- Compartilhar técnicas de captação de fotografia, áudio e vídeo digital voltadas para o cinema documental. 

- Diferenciar um documentário de uma reportagem. 

- Diferenciar um filme documentário de um filme de ficção. 

- Compartilhar os fundamentos básicos do vídeo digital e suas aplicações.

- Compartilhar estratégias de abordagem para a realização de entrevistas e formas de representação do outro.

Metodologia

A oficina tem duração de 20 horas, dividida em cinco encontros com quatro horas de duração cada. O conteúdo teórico é passado de forma expositiva. A ideia é que a oficina seja mais como um grande bate-papo e troca de experiências do que como uma aula tradicional. Como o foco da oficina é o cinema documental, tanto os exercícios práticos quanto a parte teórica, são voltados para a linguagem cinematográfica do documentário. Por exemplo, nos exercícios de captação de áudio, as gravações são feitas simulando entrevistas. Também são explicados fundamentos da linguagem documental, como os tipos de documentários que existem, questões éticas na hora de filmar e os principais filmes do gênero. Ao final de cada encontro há um debate para a discussão dos temas trabalhados no dia.

Diferencial

A oficina aborda conceitos teóricos e práticos para a produção de documentários com suporte em vídeo digital. Os participantes entram em contato com técnicas de fotografia, áudio e vídeo digital voltadas para o cinema documental. Também são debatidos conceitos sobre os diferentes tipos de documentário e suas aplicações.

Pré-requisitos

Não é necessário ter experiência prévia, nem equipamento profissional; qualquer tipo de câmera é bem-vindo, incluindo telefones celulares. Os participantes que tiverem câmera podem trazê-las para a oficina.

A sugestão de idade mínima para participar da oficina é de 16 anos.

Período de Realização

05/08/2019 a 09/08/2019 (segunda a sexta-feira)

Corpo Docente

Lucas Gervilla é mestrando no Instituto de Artes da UNESP e bacharel em Comunicação e Multimeios pela PUC-SP. Trabalha com documentários desde 2005 e já participou de mais de 150 produções audiovisuais. Em 2018, foi comissionado pelo Canal Futura para a produção do seu sétimo documentário curta-metragem: “Edmur e o Caminhão”. Em 2017, seu trabalho “Familia”, criado junto com o coletivo russo DaDim, fez parte da Art Riga Fair. Ainda em 2017, recebeu a bolsa “Mobility Fund”, oferecida pelo orgão holandês Prince Claus Fund. Trabalhou junto com os cineastas Kiko Goifman e Lucas Bambozzi. Foi professor do curso de Produção de Audiovisual na ETEC Jornalista Roberto Marinho. Atualmente é oficineiro dos Pontos MIS e das Oficinas Culturais. É membro dos grupos de pesquisa GIIP - UNESP e EMS21 - FAU-USP.

Dúvidas? 

​Novo WhatsApp Faculdade Santa Marcelina¹: (11) 98207-1806.

Contato Telefônico¹: (11) 3824-5800

Ou nos envie um e-mail em nosso FALE CONOSCO¹!

¹Atendimento realizado de segunda-feira a quinta-feira, das 8h às 18h / às sextas-feiras, das 8h às 17h.

Aproveite e clique aqui para agendar a sua Visita Monitorada!

Quer saber mais?


Duração

20 horas (5 aulas)


Horários

Segunda a sexta, das 19h às 22h40


Valor

R$921,00


Unidade

Perdizes - SP
(11) 3824-5800