Nossa
Senhora do Divino Pranto

O início da devoção

A devoção a Nossa Senhora do Divino Pranto teve seu início nos primeiros anos do século passado. A jovem Irmã Elisabeth, que pertencia à congregação das irmãs Marcelinas, passava por gravíssimas enfermidades. Por conta da grave doença, a irmã não levantava da cama há anos, tinha perdido a visão e vivia com dores muito fortes, que deixavam a Irmã cada dia mais fraca.

A aparição misteriosa

Desenganada pelos médicos, a Irmã Elisabeth esperava sua morte. Porém, na madrugada do dia 6 de janeiro de 1924, enquanto reinava o mais profundo silêncio, a Irmã Elisabeth começou a falar, o que surpreendeu as outras irmãs. Elisabeth estava conversando com uma senhora, dizendo: “Como a senhora é bondosa! Mas tenho uma dor tão grande que nem sei oferecer a Deus... reze por mim!” Bem, a bela Senhora responde a Elisabeth: “Reza! Confia! Espera! Dá um sorriso e desaparece.”

A irmã entra em coma

Elisabeth não fazia ideia de quem era a misteriosa senhora, e as outras irmãs achavam que era um sonho ou delírio causado pelas enfermidades. Depois da primeira aparição, a jovem irmã entrou em coma, podendo falecer a qualquer momento.

 

Conheça a história da Segunda Aparição da Nossa Senhora do Divino Pranto.

 

Fonte: Portal Cruz Terra Santa