Festa
de Santa Marcelina



Neste dia 17 de julho celebramos a festa de Santa Marcelina, padroeira da Congregação das Irmãs de Santa Marcelina.

Nascida no século IV por volta do ano 327, Marcelina pertencia a uma família nobre e recebeu de seus pais uma sólida educação e formação cristã. 

Muito cedo perdeu os seus pais e, antes dos 20 anos, precisou assumir total responsabilidade pela criação e educação de seus irmãos mais novos, Sátiro e Ambrósio. 

Sendo bonita, rica e inteligente, possuía muitos pretendentes, mas diante da realidade que testemunhava, repleta de dor e corrupção, surgiu em seu coração o desejo sincero de dedicar a vida a ajudar ao próximo e se consagrar a Deus. Foi assim que renunciou à sua fortuna e a um bom casamento.

Na noite de Natal do ano 353, aos 25 anos, recebeu das mãos do Papa Libério o véu da consagração total e, durante toda a sua vida, Marcelina socorreu os pobres e sofredores, bem como acolheu em sua casa companheiras desejosas de serem orientadas no conhecimento do Senhor e realizarem o bem ao próximo. Iniciou um caminho de vida comunitária com as virgens Cândida e Indícia.

Em 374, Ambrósio foi aclamado pelo povo como Bispo de Milão e Marcelina não hesitou em acompanhá-lo, ajudando-o a lutar corajosamente em defesa da justiça e da fé, bem como a levar ao mundo palavras e ações de esperança. Ela morreu aos 70 anos, poucos meses depois de seu irmão Ambrósio, em 17 de julho de 397. Foi sepultada em Milão, na Basílica de Santo Ambrósio. A voz do povo a proclamou Santa.

 

Santa Marcelina, rogai por nós!